Área Dedicada ao Covid

A incidência cumulativa (casos de covid-19 por 100.000 habitantes) continua em queda no Vale do Sousa, apontou o boletim epidemiológico da Direção Geral da Saúde (DGS) desta segunda-feira. Segundo o relatório, o valor desceu, em média, 23% nos seis concelhos analisados pelo IMEDIATO.

Comparando com os últimos dados conhecidos, relativos ao período de 25/11 a 08/12, a maior descida verificou-se no concelho de Lousada, que, pelos dados da DGS, passou do nível de risco “extremamente elevado” para “muito elevado”, acompanhando os concelhos de Paços de Ferreira, Penafiel.

Os restantes concelhos também continuaram a tendência de decréscimo no número de infeções por 100 mil habitantes, sendo que a Capital do Móvel apresenta o segundo menor valor de incidência cumulativa, 508, apenas superada por Castelo de Paiva, com 382 casos registados por 100 mil residentes.


Incidência cumulativa (casos de covid-19 por 100 mil habitantes) no Vale do Sousa*:

Incidência de 25/11 a 08/12 Incidência de 04/12 a 17/12 Diferença (%)
Castelo de Paiva 401 382 -4,74 %
Felgueiras 1.205 824 -31,62 %
Lousada 975 635 -34,87 %
Paços de Ferreira 703 508 -27,77 %
Paredes 775 675 -12,90 %
Penafiel 777 576 -25,87%

*Dados do boletim epidemiológico da Direção Geral da saúde de 21/12.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *