Capital do Móvel
Feira Capital do Móvel. Fotografia: AEPF

A Feira Capital do Móvel vai “migrar” para a capital do país, levando consigo cerca de meia centena de “embaixadores” do móvel. A 55ª edição daquela que é vista como a maior feira de mobiliário do país vai decorrer de 26 a 30 de maio no Pavilhão Carlos Lopes – e espera-se gerar um volume de negócio de 1,5 milhões de euros.

“Esta localização surge a pedido dos associados, de forma a conseguirem chegar a mais clientes. O mercado de Lisboa é muito apetecível, por isso vamos arriscar e levar o melhor do mobiliário à capital”, começou por partilhar com o IMEDIATO o presidente da Associação Empresarial de Paços de Ferreira (AEPF), Samuel Santiago.

Nos cerca de 1.800 metros quadrados do Pavilhão Carlos Lopes, “um espaço emblemático na zona nobre da cidade”, a Feira Capital do Móvel levará cerca de 50 expositores pacenses, que vão mostrar aos cerca de 10 mil visitantes previstos os seus produtos, esperando-se alcançar um volume de negócio de 1,5 milhões de euros.

Para Samuel Santiago, ainda que atrair clientes estrangeiros seja um objetivo da feira, a principal missão é mesmo alcançar “a nata dos compradores de móveis de Lisboa”. Para tal, vão ser apresentados projetos inovadores das empresas do concelho, que associam tecnologia de ponta ao mobiliário e têxtil.

A 55ª edição da Feira Capital do Móvel já recebeu autorização da DGS, sendo que, à semelhança do que aconteceu na última edição, na Alfândega do Porto, vão haver corredores com espaçamento, percursos de visita e desinfeções regulares ao espaço.

“Estamos a assistir a uma recuperação do setor do mobiliário. Estes primeiros meses têm sido de crescimento e sentimos que as pessoas querem conforto nas suas casas. Os nossos empresários vão certamente fechar muitos negócios por Lisboa”, rematou Samuel Santiago.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *