Natal

Os portugueses têm a intenção de gastar cerca de 216€ durante o período do Natal, menos 172€ que o valor do ano anterior, 388€, apurou o Observador Cetelem Natal 2020. O estudo indicou ainda que no Norte o valor ainda é mais reduzido: 179€  euros.

“Prevê-se que a maioria deste valor (55%) seja gasto em presentes. Contudo também esta percentagem desceu em comparação com o período homólogo (menos 6 pontos percentuais). Para esta categoria de gastos, estipula-se um orçamento médio de 119€ – menos 115€ que em 2019”, lê-se no comunicado.

 

A seguir aos presentes, a mercearia é a segunda maior despesa, ainda que a categoria também tenha sofrido uma forte descida, passando de 41% do orçamento em 2020 para apenas 36% em 2019, com um orçamento estipulado de 88€.

As decorações de Natal são a categoria que menos irá ganhar com os portugueses: apenas 4% pretende gastar dinheiro em decorações da época, com um orçamento médio de 9€. Os valores mais elevados serão gastos pelas faixas etárias entre os 35 e os 54 anos, enquanto os valores mais baixos são indicados pelos inquiridos entre os 18 e os 24.

Apurou-se ainda que os portugueses tencionam gastar em média 64€ em presentes para crianças, menos 51€ do que em 2019. Já com as festividades de final de ano, os portugueses pretendem gastar em média 85€ – uma quebra de 90€.

E como se dividem os gastos de Natal por região?

É na região Sul que o valor médio será mais elevado, cerca de 306 €. De seguida, os inquiridos do Grande Porto, pretendem gastar 248€ e os da Grande Lisboa uma média de 188€. No fim da tabela estão os residentes nas regiões Norte e Centro com uma média de intenções de gastos de 179€ e 172€ respetivamente.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *