Mercadona
Fotografia: Mercadona

A Mercadona reduziu o consumo de eletricidade em 39,7 milhões de kWh em 2019 e 2020, após ter instalado mais de 1.400 painéis solares. Durante um ano, a quebra alcançada foi de 40%, revelou a rede de supermercados, em comunicado.

Com a implementação de um sistema de Gestão Ambiental em que baseia as suas atuações na premissa de produzir mais com menos recursos, a Mercadona visa identificar os impactos ambientais gerados pela sua atividade e definir objetivos e estratégias para reduzir o impacto em quatro áreas principais: a logística sustentável, a eficiência energética, a produção e consumo sustentáveis e a redução e gestão de resíduos.

Foi neste sentido que a empresa lançou um projeto de medição em tempo real do consumo de energia de cada loja e apostou também na instalação de painéis fotovoltaicos, como fonte de energia renovável e de redução de emissões. Tendo assim, instalado em 2020 mais de 1.400 painéis solares distribuídos em oito centros, entre Espanha e Portugal. Esta é uma iniciativa que permite à entidade poupar, em cada um destes centros, 15% da eletricidade.

Artigo editado por Ricardo Rodrigues.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *