incendio 1

A Polícia Judiciária deteve dois indivíduos por estarem fortemente indiciados de provocarem incêndios em freguesias dos concelhos de Lousada e Paredes.

A ação desencadeada pelas autoridades em Lousada levou à detenção de um indivíduo suspeito de ter intencionalmente provocado diversas ignições em área florestada nas freguesias de Cristelos, Silvares e Boim.

A detenção teve lugar por existirem fortes indícios de, na madrugada do passado dia 4 do corrente mês, ter ateado, pelo menos, sete incêndios florestais com recurso a chama direta em área florestal, num dia em que as temperaturas atingiram máximos históricos no país.

Deste modo, as ignições produzidas tinham condições para rapidamente se descontrolar e provocar incêndios numa área florestal muito extensa que só não tiveram consequências muito mais graves devido à pronta e eficaz intervenção dos bombeiros locais.

O detido, de 42 anos de idade, manobrador de máquinas, residente em Lousada, sem antecedentes criminais conhecidos, vai ser presente a interrogatório Judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Em Paredes, a PJ procedeu à identificação e detenção fora de flagrante delito de um homem suspeito da autoria de um incêndio florestal em Duas Igrejas – Paredes.

Para a prática do ilícito, ocorrido em zona de mato e arvoredo e com várias habitações nas imediações do local, o suspeito, com o recurso a fósforos e líquido acelerante, ateou intencionalmente fogo à viatura que conduzia, conformando-se com o resultado que da sua ação poderia resultar para a floresta e população.

O incêndio ocorreu no passado dia 03, pelas 20H15, e as diligências efetuadas de imediato pela Polícia Judiciária permitiram identificar e deter o presumível autor.

O detido, com 35 anos de idade, desempregado, vai ser presente a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *