GNR / Operação Natal
Fotografia: GNR

A GNR realizou, entre os dias 23 e 26 deste mês, a segunda fase da operação «Natal e Ano Novo 2021». Durante os quatro dias, a força policial reforçou as suas ações de patrulhamento, fiscalização e sensibilização, tendo sido registados 72 crimes e 3.436 contraordenações.

Numa altura de convívios natalícios, foram registadas 154 contraordenações por condução sob a influência do álcool, das quais 56 detenções por taxa crime igual ou superior a 1,2 g/l. A nível nacional, foram também detidos 16 condutores por não apresentarem habilitação legal.

Segundo um comunicado da Guarda, foram registadas 949 contraordenações por excesso de velocidade, 248 por falta de inspeção, 97 pela incorreta ou não utilização do cinto de segurança ou de sistemas de retenção, 74 por uso de telemóvel e 90 por falta de seguro.

Na estrada, foram contabilizados ainda 752 acidentes, dos quais há a registar quatro vítimas mortais, 19 feridos graves e 248 feridos leves.

A terceira fase da operção da GNR vai decorrer de 30 de dezembro e 2 de janeiro, com foco nas festividades de Ano Novo. A operação «Natal e Ano Novo 2021» assume o objetivo de “combater a criminalidade e intensificar o patrulhamento rodoviário nas vias de maior tráfego durante este período, através do esforço de patrulhamento, de forma a garantir as festividades e as deslocações em segurança”, remata a GNR.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *