Município de Lousada integra projeto de luta contra a erva-das-pampas
As sementes da erva-das-pampas podem “viajar” até 30 quilómetros de distância. Fotografia: Município de Lousada

O Município de Lousada foi oficialmente integrado na aliança estratégica transnacional de luta contra a erva-das-pampas (Cortaderia selloana), uma espécie exótica invasora, no âmbito do projeto Internacional LIFE Stop Cortaderia.

O propósito desta iniciativa centra-se no crescimento desta planta, que tendenciosamente forma aglomerados muito densos que dominam a vegetação autóctone, criando barreiras à circulação dos animais.

As sementes deste ser-vivo espalham-se muito facilmente com o vento, sendo que cada pluma produz milhares de sementes que podem “viajar” até 30 quilómetros de distância da planta-mãe.

O compromisso assumido pelo Município de Lousada tem como objetivo controlar a expansão desta espécie exótica invasora no concelho de Lousada. Pode registar um avistamento de erva-das-pampas aqui.

Artigo editado por Ricardo Rodrigues. 

Paços de Ferreira, Paredes e Lousada aderem à Rede Nacional de Municípios Amigos da Juventude

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *