Eurico Goncalves

Faleceu esta segunda-feira, dia 11 de julho, o artista plástico penafidelense Eurico Gonçalves.

Natural de Abragão e cidadão honorário da cidade de Penafiel, Eurico Gonçalves morreu aos 90 anos. Professor e crítico de arte, pioneiro no âmbito da educação artística em Portugal era também um reconhecido especialista no conhecimento da expressão plástica da criança.

Com um percurso singular nas artes e no ensino, Eurico Gonçalves recebeu ainda o Prémio Almada Negreiros em 1998.

A obra do penafidelense Eurico Gonçalves está representada em coleções públicas e privadas, como no Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian, no Museu do Chiado, na Culturgest e no Museu Amadeo de Souza-Cardoso, em Amarante, entre outras instituições.

Eurico Gonçalves deu ainda o nome à Escola Básica Eurico Gonçalves, no Lumiar, em Lisboa.

Após o falecimento do artista plástico, a Câmara Municipal de Penafiel emitiu uma nota de pesar. “A Câmara Municipal de Penafiel lamenta profundamente o falecimento do pintor e professor Eurico Gonçalves, cidadão honorário de Penafiel e uma figura incontornável na educação artística em Portugal. Em nome do Município de Penafiel, o Presidente Antonino de Sousa apresenta as mais sentidas condolências à família e amigos”.

O velório de Eurico Gonçalves acontece amanhã, dia 12 na Basílica da Estrela, em Lisboa e o funeral realiza-se no dia seguinte, na sua cidade natal, em Penafiel.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.