Mercadona
Novo armazém do Bloco Logístico da Póvoa de Varzim. Fotografia: Mercadona

A Mercadona ampliou a capacidade de armazenamento do Bloco Logístico da Póvoa de Varzim com a criação de uma nave de 12.000 m2. Este novo armazém, construído num terreno de 50.000 m2, adjacente ao que já tem a funcionar desde 2019, vem dar resposta à evolução do projeto de expansão da empresa em Portugal e representou um investimento de 24,5 milhões de euros.

“Com a criação desta nave, que se junta às outras duas que a empresa já tinha em funcionamento, procedeu-se a uma reconfiguração total do espaço. Assim, os novos 12.000 m2 passarão a armazenar as frutas e legumes que diariamente saem para os supermercados da cadeia em Portugal. Além disso, fruto do seu modelo de logística sustentável e em colaboração com a Logifruit, haverá uma área, com cerca de 3.000 m2, dedicada à gestão de embalagens“, indica um comunicado enviado ao IMEDIATO pela cadeia de supermercados, que já está presente em Paços de Ferreira e Penafiel.

O novo armazém da Mercadona está inserido no Bloco Logístico da Póvoa de Varzim, iniciado em 2019, com a edificação de duas naves, num investimento de cerca de 60 milhões de euros. A nova superfície conta ainda com uma área de 17.000 m2  de zonas verdes e 100 lugares de estacionamento, sendo que dois são destinados ao carregamento de veículos elétricos, ligados à rede MOBI.E.

No total, a empresa indica já investiu 84,5 milhões de euros no desenvolvimento do Bloco Logístico da Póvoa de Varzim, que hoje engloba uma área e 100.000 m2, contabilizando 350 postos de trabalho, dos quais 20 foram criados para dar resposta a este novo projeto de ampliação. A Mercadona continua com processos de recrutamento em aberto, através do seu portal de emprego.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.