luis miguel ec3

Luís Miguel Silva, jovem investigador da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, venceu o Prémio Liberdade Religiosa com um trabalho de investigação sobre a liberdade religiosa durante a participação portuguesa na Primeira Guerra Mundial.

Com apenas 25 anos, o pacense “sacou” o prémio nacional que colocou vários projetos de diversas áreas do conhecimento à prova. “A nível pessoal e académico o prémio foi bastante importante para mim. Trata-se de um primeiro grande marco na minha jovem carreira científica”, contou.

 

O jovem historiador foi o terceiro convidado do podcast “Esquina Criativa”, do IMEDIATO, e explicou como “mergulhou” nos diários de guerra de soldados portugueses que lutaram na Grande Guerra há mais de um século – e o que descobriu entre as poeirentas páginas.

 

 

 

 

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *