Lousada / Recluso / violência / Gang das Picaretas
Fotografia: Direitos Reservados

Foi detido, em Salamanca, o cabecilha do «Gang das Picaretas». Durante cerca de um ano, o grupo de cinco indivíduos levou a cabo pelo menos 14 assaltos a carrinhas de transporte de valores em quatro concelhos da região Norte do país, entre os quais Paredes e Felgueiras.

Segundo uma nota de imprensa divulgada pela Polícia Judiciária, o líder do gangue, autor de vários roubos, com arma de fogo, a carrinhas de transporte de valores, foi capturado na cidade em Salamanca, em articulação com a Unidade de Cooperação Internacional (Unidade Nacional Europol) e com as autoridades espanholas.

“Os factos remontam aos anos de 2006 e 2007, em que um grupo de cinco indivíduos protagonizou, pelo menos, 14 assaltos a carrinhas de transporte de valores, nas zonas de Guimarães, Paredes, Felgueiras e Cabeceiras de Basto, utilizando, para além de armas de fogo de grande calibre, picaretas para partirem os vidros, à prova de bala, das carrinhas”, relata a força policial, em comunicado.

O homem de 41 anos encontrava-se fugido desde 2013, altura em que foi colocado em liberdade por ter esgotado o prazo de prisão preventiva. Foi localizado por esta Polícia em Salamanca, usando documentos de identificação falsos, tendo sido detido pelas autoridades espanholas no âmbito de um mandado de detenção europeu.

O líder do «Gang das Picaretas» foi condenado, em dois processos, pelos crimes de associação criminosa, roubo agravado e detenção de arma ilegal, a penas de três e de doze anos de prisão e vai ser presente ao Tribunal – Audiência Nacional, em Madrid, tendo em vista a sua extradição para Portugal, para cumprimento de pena.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.