detido / jovem
Fotografia: Direitos Reservados

Um homem de 28 anos foi detido pelo Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Penafiel, por furto de carros. O indivíduo – que se encontrava com pena suspensa por crimes de furto e roubo – é suspeito de ter realizado nos últimos três meses cerca de 30 assaltos na região do Vale do Sousa e de ter utilizado os cartões multibancos das vítimas para efetuar pagamentos por “contactless”.

O homem, natural de Boelhe no concelho de Penafiel, andava a ser investigado pelas autoridades há cerca de três meses, depois de já ter sido detido por estar ligado a cerca de meia centenas de furtos, ocorridos desde o Vale do Sousa até ao Porto, cometidos em coautoria com mais três pessoas, entre as quais o casal que em abril, foi apanhado a consumir droga no interior do carro, junto da filha desde, com dois anos de idade.

Condenado em junho deste ano a uma pena suspensa por dois furtos e três roubos cometidos no ano de 2020, o indivíduo manteve a prática criminosa, para alimentar a sua dependência das drogas. Assim, nos últimos três meses, levou a cabo cerca de três centenas de crimes na região do Vale do Sousa. O homem arrombava viaturas estacionadas na via pública e furtava todo o material que se encontrava no interior, material esse que depois vendia para ter dinheiro para alimentar o vício. Furtou ainda vários documentos e equipamentos eletrónicos, assim como vários cartões de multibanco, com os quais, através da tecnologia “contactless”, efetuou vários pagamentos.

No dia em que foi detido, sábado, dia 3 de setembro, o indivíduo ainda realizou mais três assaltos em Parada de Todeia, no concelho de Paredes. Do interior de dois carros, furtou documentos e equipamentos eletrónicos e entrou numa casa, de onde levou uma motorizada.  Ainda no mesmo dia, abordou duas pessoas, que ameaçaram chamar as autoridades. O indivíduo abandonou o local, mas regressou, pouco depois, com dois paus, e agrediu-as, colocando depois em fuga. Agrediu ainda o dono de um carro que tentou furtar, também em Parada de Todeia, quando este, apercebendo-se do furto, tentou travar o ladrão.

O homem acabou por ser detido pelo Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Penafiel. Presente a primeiro interrogatório judicial no Tribunal Judicial de Penafiel, foi colocado em prisão preventiva.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.