Coaching / Trabalho / Felicidade / outros / Saudades / Férias / Exames / reconhecimento / Beijo / Estudante / Ser / Relação / Mudança / Vida /Ano Novo / Tempo / Coaching / Preguiça / Coaching…para quê? - Poupa / Saber Viver

Recentemente foi comemorado o Dia Nacional do Estudante. Provavelmente neste dia, mesmo para aqueles que já deixaram o ensino formal, vêm em primeiro lugar às suas mentes as situações mais penosas dessa vida tais como: ausência de bases para compreender as temáticas seguintes, professores que “debitavam matéria” ao mais alto nível de complexidade, conteúdos distantes da vida prática, reprovações em pauta com avaliações de 9.8 (pois dez é só dez a partir de 10,0), medo e/ou vergonha para tirar dúvidas com o “prof”,  etc. Assim, para muitos estudantes, quando apenas se está focado no “trabalho” de estudar e nas disfuncionalidades do sistema…é uma  grande “seca”!  Outros, para compensar tal “desgosto,” focam-se apenas nas festas de estudantes, muitas delas, repletas de todos os excessos, onde os estados alterados de consciência são uma fuga para a sensação de “felicidade”. Estas duas visões radicais deixam as suas marcas e provavelmente não conduzirão ao que se pretende…quando já se sabe o que se pretende!

Este dia seria provavelmente mais “positivo” se fosse o Dia Nacional da Aprendizagem. Pois essa é a finalidade do estudo, essa a finalidade da Vida, Aprender. Ou, para sermos ainda mais rigorosos, Aprender para depois Evoluir! Aprender é uma ocorrência cognitiva positiva, entusiasmante, motivadora e incessante! Aliás, que se desenganem todos os estudantes que pensam que depois do seus respetivos estudos formais…não terão que estudar mais!  Provavelmente não, dessa forma….mas terão de continuar a aprender, a atualizar-se, a aprofundar conhecimentos, a treinar novos procedimentos, a ajustar-se continuamente à evolução inerente a cada profissão!

Assim, mais que estudar e decorar conceitos, será aprender a aprender de forma consciente, profunda, sentida, motivada, com foco e compromisso. Conhecer o Índice de Aprendizagem em cada disciplina, superar os pontos frágeis e potenciar os ponto fortes…tudo por uma razão…um Sonho! E o seu Sonho é a sua Vida!

Através da Prática do Coaching Educacional, pacifique-se com as suas “fragilidades” e supere-as, aprenda a ter gosto de Aprender e Evoluir, para se tornar no Ser que sempre desejou ser.

Não perca o próximo artigo de “Coaching…para quê?”  Leia mais artigos na página de opinião do IMEDIATO.

 

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *