trigémios

A Câmara Municipal de Paços de Ferreira entregou esta quarta-feira três cheques-bebé aos pais das pequenas Lia e Íris, e do pequeno Miguel.

Leda Lima e Pedro Bessa têm 35 anos e são os pais das pequenas Lia e Íris, e do pequeno Miguel. Casados há um ano, pensavam em ter filhos e quando tal aconteceu veio em dose tripla, o que provocou um choque inicial, mas agora é uma “alegria imensa”.

Perante esta “dádiva de Deus”, todas as ajudas são bem-vindas e o casal não hesitou na hora de aderir ao cheque-bebé, uma iniciativa promovida pelo município de Paços de Ferreira, que desde outubro de 2021 atribui um cheque no valor de 500 euros a todos os bebés que nasçam no concelho. “Vai ajudar e muito este valor, porque ter três filhos não é fácil, é fraldas, leite. Temos ajuda de muita gente, mas às vezes não chega. E acho que toda a gente devia aderir a esta iniciativa”, afirmou a mãe Leda Lima, explicando com o nascimento dos bebés teve que deixar de trabalhar e dificilmente poderá regressar ao trabalho.

O casal recebeu um total de 1500 euros pelo nascimento dos seus filhos, agora com seis meses, que nasceram prematuros aos sete meses, com peso entre um quilo e um quilo e trezentas gramas.

O cheque aos papás foi entregue por Paulo Ferreira, vice-presidente da Câmara Municipal de Paços de Ferreira, que destacou a importância desta medida no incentivo à natalidade. “Esta medida tem um impacto bastante elevado no nosso orçamento, mas é uma ajuda às nossas famílias e temos muito orgulho nesta medida que implementamos e que, juntamente com muitas outras que temos em vigor, faz com que tenhamos interrompido este ano letivo, pela primeira vez, a redução de alunos nas nossas escolas”.

“É uma ajuda grande para um problema que é sério na Europa e no nosso país que é a redução da natalidade. E é com medidas transversais, quer do Governo central, quer das autarquias, que se combate este problema sério que o nosso país tem”, referiu, garantindo que vão continuar “nesta senda de apoio às famílias”.

O cheque-bebé foi uma medida de apoio à natalidade que o município implementou em outubro de 2021 e que consiste na entrega de um cheque de 500 euros a cada bebé nascido no concelho. Desde o seu início, a medida já abrangeu 417 bebés, dos quais 10 casais de gémeos. Lia, Íris e Miguel foram os primeiros trigémeos a receber este apoio do município.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.