Os concelhos de Paços de Ferreira, Penafiel, Paredes e Lousada reúnem 65 pequenas e médias empresas (PME) que foram distinguidas recentemente pelo Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (IAPMEI) com o título “PME de Excelência 2019”.

Com a duração de um ano, este reconhecimento tem vindo a abranger cada vez mais o tecido empresarial da região, sendo que no período de 8 anos, o número de empresas reconhecidas dos quatro concelhos aumentou em 60%.

Em 2012, primeiro ano com dados distribuídos por concelho, apenas 26 empresas dos quatro municípios receberam este reconhecimento do IAPMEI.

Se há oito anos Penafiel dominava com nove empresas distinguidas, seguida por Paredes e Lousada com seis cada e Paços de Ferreira apenas com cinco empresas, o cenário atual é bastante distinto.

Este ano, dos quatro municípios analisados, é Paredes que aglomera o maior número destas empresas, 26, seguido por Paços de Ferreira, que reúne 20 PME de Excelência. Já Penafiel tem 11 empresas reconhecidas e Lousada oito.

Criado em 2009, o estatuto “PME de Excelência” pretende dar um “selo de reputação” às empresas, para se relacionarem com o meio empresarial (fornecedores, clientes, sistema financeiro e autoridades nacionais e regionais) “numa base de confiança facilitadora do desenvolvimento dos seus negócios”.