Rebordosa AC falha subida ao Campeonato de Portugal com o mesmo número de pontos que o campeão
Fotografia: FC Alpendorada

O FC Alpendorada sagrou-se, no domingo, campeão da Divisão de Elite da Associação de Futebol do Porto e carimbou a ascensão ao Campeonato de Portugal. Em segundo lugar, e com o mesmo número de pontos, ficou o Rebordosa AC, que vai disputar a Taça de Portugal na próxima época.

Após 13 jornadas da fase de apuramento de campeão, as equipas de Marco de Canaveses e Rebordosa encontravam-se a dois pontos de distância. Com a possibilidade do título à vista de ambas, todas as atenções estavam viradas para a última jornada.

Em segundo lugar na corrida para a subida, o Rebordosa AC goleou o Gondomar SC B, o último do grupo de apuramento de campeão, por 3-0. Golos de Dinis Djadjo (45′), Miguel Silva (80′) e Ba (80′) permitiram ao clube fazer o seu papel na perseguição do Alpendorada, que, devido à sua vantagem em confronto direto (1-0 e 1-1) precisava apenas de um empate para celebrar.

À mesma hora, a equipa de Marco de Canaveses entrava em campo no reduto do FC Foz, o quarto classificado da tabela. Com um único objetivo em mente, a equipa marcou primeiro, por intermédio de César (30′), dando confiança na conquista do troféu. Contudo, já no prolongamento, a equipa da casa conseguiu o empate, por Ruben (90+2′), na conversão de um livre.

Devido à superioridade em confronto direto face ao Rebordosa, a equipa marcoense sagrou-se campeã da Divisão de Elite da Associação de Futebol do Porto e celebrou a ambicionada passagem ao Campeonato de Portugal. Este é um regresso aos campeonatos nacionais, dez anos depois de participar na antiga II Divisão B.

Já o Rebordosa AC terminou a fase de apuramento de campeão da Elite em segundo lugar. Na próxima época, a equipa do concelho de Paredes disputa a Taça de Portugal.

Em terceiro lugar da tabela ficou o SC Freamunde, com uma distância de oito pontos. Na última jornada, a equipa azul e branca defrontou o Maia Lidador, saindo vitorioso do encontro (1-2). Os golos foram marcados por Xandão (25′) e Diogo Martins (75′).

Na fase de manutenção também se fecharam contas. Na série 4, o Aparecida, de Lousada, liderou a tabela, com dois pontos de vantagem sobre a AD Marco 09, em segundo lugar, e cinco sobre a AD Lousada, em terceiro lugar.

Com os mesmos pontos, o Aliados FC Lordelo terminou a época em quarto, seguido pelo Sousense e Vila Caiz, sendo que o último vai disputar play-off de despromoção.

Já o CD Águias de Eiriz não conseguiu a manutenção no escalão mais elevado do futebol distrital, ficando na penúltima posição, apenas à frente do FC Felgueiras 1932 B, que em 14 jornadas apenas somou dois pontos.

Das restantes séries também o Nogueirense, Vila, Perosinho, Pedroso, Gens e Alfenense foram despromovidos para a Divisão de Honra.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.