A GNR apreendeu, na quinta-feira, vários artigos contrafeitos no concelho de Paços de Ferreira, avaliados em cerca de 1.000 euros. Segundo comunicado daquela polícia, a apreensão decorreu de uma patrulha.

“Os militares da Guarda abordaram uma viatura, em que o condutor foi visto a vender artigos contrafeitos à porta de vários estabelecimentos de restauração e bebidas, tendo constatado que no interior da mesma se encontravam várias peças de material contrafeito”, relatou a autoridade policial.

O material, avaliado em cerca de 1.000 euros, foi apreendido por “motivos de contrafação e uso ilegal da marca”, sendo que o homem de 46 anos que circulava no veículo foi constituído arguido.

“A Guarda Nacional Republicana relembra que o objetivo principal deste tipo de ações é garantir o cumprimento dos direitos de propriedade industrial, visando essencialmente o combate à contrafação, ao uso ilegal de marca e à venda de artigos contrafeitos”, rematou a GNR.

ouro e prata