sao martinho

Depois de um ano de interregno devido à pandemia, uma das mais emblemáticas feiras da região regressa à cidade de Penafiel, esperando receber milhares de visitantes de vários pontos do norte do país.

Até ao próximo dia 21 de novembro, a cidade penafidelense é palco de uma das mais emblemáticas feiras da região, um evento que remonta ao século XVI e que tem uma tradição muito emblemática na cidade.

Em mais uma edição, a Feira de São Martinho conta com muita animação, artesanato e gastronomia, onde não faltará a prova do vinho novo – este ano Vinho de São Martinho – as castanhas. “Este regresso é motivo de grande alegria para nós, penafidelenses, e estou certo de que para os milhares de visitantes que vêm ao São Martinho.

Devido à pandemia, a organização – Câmara Municipal de Penafiel – fez alguns ajustes no que diz respeito à prova de vinhos, para dar mais segurança aos visitantes. “A prova do vinho não se vai fazer no modelo que se fazia em edições anteriores. Não vamos ter as pipas do vinho das adegas. Vamos ter o Vinho de São Martinho, um lote de excelência, que foi definido pelas adegas que já participavam na feira e vamos ter a gastronomia e todas as iguarias que tanto apreciamos”, referiu o autarca, acrescentando que “vai ser possível o convívio, celebrar esta festa, mas com condições asseguradas para que não haja nenhum problema do ponto de vista sanitário”.

Assim, a prova de vinhos será feira nos 11 restaurantes aderentes. O visitante pode adquirir uma das 30 mil canecas ou das 15 mil tigelinhas alusivas ao evento e encher com o tradicional vinho novo.

A feira será igual à dos anos anteriores e conta com a presença de 600 feirantes. “São vários centros comerciais ao ar livre que aqui vão estar até ao dia 21”, referiu o autarca, destacando a importância do evento para a economia local. “Há visitantes que tradicionalmente aqui vêm fazer as suas compras, para se prevenirem para o inverno. Há um impacto muito grande na economia de toda a região pois é muito negócio que se faz aqui ao longo destes dias”.

 

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *