Partido Socialista

O presidente da Câmara Municipal de Paços de Ferreira e o partido que o elegeu, o Partido Socialista, escolheram a rede social Facebook como campo de batalha política.

Já desde a eleição à concelhia, altura em que venceu a lista liderada por Armanda Fernandez, o clima parece estar tenso no interior do partido, com desavenças e pedidos de demissão à mistura, que levaram até à intervenção de Manuel Pizarro, presidente da Federação Distrital do Porto do Partido Socialista.

Esta sexta-feira, a “novela” voltou a ter mais um episódio, com Humberto Brito a anunciar o nome de Mónica Cardoso como candidata independente pelo Partido Socialista à Junta de Freguesia de Paços de Ferreira/Modelos.

Após o anúncio realizado pelo autarca pacense da candidatura daquela que é atualmente Chefe de Divisão da Ação Social na Câmara Municipal de Paços de Ferreira, o Partido Socialista usou a mesma ferramenta para “informar que a voz e a representação do PS de Paços de Ferreira é da responsabilidade da Presidente da Concelhia”.

WhatsApp Image 2021 03 26 at 23.18.05
As publicações de Humberto Brito e da página do PS de Paços de Ferreira.

Estas publicações parecem indiciar que haverá mais um episódio nesta contenda e que o anúncio de Humberto Brito foi feito à revelia da Comissão Política Concelhia.

 

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.