Um homem de 48 anos foi detido em flagrante delito pela GNR quando tentava atear fogo com um isqueiro numa zona de mato, em Freamunde.
Fonte das relações públicas da GNR do Porto, António Silva Ferreira, adiantou à agência Lusa que o detido em flagrante delito “não ofereceu resistência” no momento da detenção e acrescentou que a patrulha da GNR avistou a situação do lançamento de fogo de forma fácil a partir da estrada municipal onde de encontrava a patrulhar.
Os militares detiveram de imediato o indivíduo depois de o terem avistado a atear o fogo com um isqueiro e acionaram os meios para o combate ao incêndio, evitando assim que “fossem colocados em perigo pessoas e habitações”, acrescenta um comunicado da GNR divulgado esta quarta-feira.
O homem encontra-se detido nas instalações da GNR e vai ser presente para primeiro interrogatório judicial esta quinta-feira, dia 02, no Tribunal Judicial de Marco de Canaveses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *