Carlos Ribeiro

Faleceu, durante a noite, Carlos Ribeiro, ex-ciclista da Associação Desportiva e Recreativa Ases de Penafiel (ADRAP) e da Seleção Nacional de Sub-23. O ex-atleta de 29 anos, que terminou a sua carreira em 2015 devido a problemas cardíacos detetados quando se preparava para ingressar como profissional na W52-Quinta da Lixa, foi encontrado sem vida esta manhã.

Natural de Lordelo, Carlos Ribeiro iniciou o seu percurso no ciclismo aos 13 anos, enquanto juvenil na ADRAP, tendo corrido posteriormente pela equipa de Sub-23 do Mortágua. Em 11 anos de carreira, o atleta conquistou por mais que uma vez o terceiro lugar na Taça de Portugal e no Campeonato Nacional de Contrarrelógio.

Em dezembro de 2015, pouco depois de ingressar na equipa W52-Quinta da Lixa, viu-se obrigado a terminar a sua carreira profissional. Antes, durante o Circuito das Festas da Cidade de Lousada, Carlos Ribeiro caiu inconsciente, tendo o mesmo acontecido alguns dias depois, durante um treino.

Após o fim da sua carreira, o ex-ciclista continuou ligado à modalidade enquanto mecânico, participando também de forma recreativa em provas de BTT e Ciclocrosse. A nível profissional, era funcionário da empresa Célisports, sediada em Seroa, e propriedade do antigo ciclista profissional Célio Sousa.

O triste desfecho aconteceu durante a última noite. Segundo apurou o IMEDIATO, Carlos Ribeiro deitou-se por volta das 23h e foi encontrado já sem vida esta manhã.

 

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *