CTT /
Fotografia: Direitos Reservados

Os Correios de Portugal (CTT) criaram um fundo de investimento, com a dotação de quatro milhões de euros, para apoiar atividades de inovação nas Pequenas e Médias Empresas (PME) e startups, de forma a impulsionar o desenvolvimento da inovação das empresas nacionais.

O Fundo de Inovação CTT visa investir em startups e PME e privilegiará a atuação em setores “alinhados com as prioridades de atuação” dos CTT, nomeadamente e-commerce, operações e logística, comunicações, fintech, retalho e publicidade.

Para João Bento, CEO dos CTT, o fundo “complementa e reforça a estratégia de liderança na promoção da digitalização e do comércio eletrónico das empresas portuguesas, e permite-nos explorar sinergias com a inovação que já é desenvolvida, promovendo a ligação destas empresas ao negócio e às equipas internas, apoiando o desenvolvimento de pilotos com recurso a soluções destas empresas.”

Os investimentos vão ser operacionalizados e acompanhados pelo 1520 Startup Program, um programa de interação com startups. Desde a sua criação, o programa já mapeou mais de 1800 empresas, com 31 projetos atualmente em curso: 15 em parcerias comercias, 16 em projetos de co-criação e 1 aquisição – Recibos Online, indica ainda a nota de imprensa.

Subscreva a newsletter do Imediato

Assine nossa newsletter por e-mail e obtenha de forma regular a informação atualizada.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *