José Pinto, o homem que no passado sábado atropelou cinco pessoas, em Rebordosa, Paredes, vai aguardar julgamento em prisão preventiva. Duas das vítimas ficaram feridas com gravidade e acabaram por falecer.

José Pinto, o condutor do veículo, foi ouvido esta segunda-feira pelo juiz de instrução criminal, a quem alegou não ter tido intenção de matar.

O homem, de Rebordosa, mas emigrado em Inglaterra, está indiciado por 5 crimes de homicídio – dois na forma consumada e três na forma tentada.

Como apresentou uma taxa de álcool considerada crime, responde ainda por condução sob efeito de álcool e condução perigosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *